Connect with us

Copa do Brasil

Conheça o Santa Cruz, tradicional clube gaúcho adversário do JEC na Copa do Brasil

Foto: Vinicius Schubert/FC Santa Cruz

Faltando pouco mais de 24 horas para a estreia do Joinville na Copa do Brasil, muitos desconhecem sobre o Futebol Clube Santa Cruz, adversário do Tricolor na primeira fase da competição.

Apesar de estar prestes a completar 108 anos, o Santa Cruz disputará a Copa do Brasil pela primeira vez na história. O tradicional time gaúcho, sediado em Santa Cruz do Sul, no interior do Rio Grande do Sul, está atualmente na terceira divisão do campeonato estadual. E desde 1989, há 32 anos, não participava de uma competição nacional.

O Galo Carijó, como é conhecido, se classificou para a Copa do Brasil de forma similar ao do JEC. A vaga foi garantida ao faturar na temporada passada a Copa FGF (Federação Gaúcha de Futebol) – a Copinha deles -, vencendo na final o então favorito São José, clube que disputa a Série C do Brasileirão.

Foto: Vinicius Schubert/FC Santa Cruz

Fundado em 1913, o alvinegro quase fechou as portas há sete anos. Mas a situação foi contornada pelo jovem Tiago Rech. Aos 27 anos de idade, o jornalista, que viralizou a ser o único torcedor do Galo no Estádio Olímpico, em 2012, na derrota por 4 a 1 para o Grêmio, pelo Gauchão, interviu e assumiu o clube para impedir a ‘extinção’.

“Sempre quis que isso acontecesse. Era um desejo meu. Não esperava que fosse tão cedo, mas abriu a oportunidade e acabei topando. Fiz contato com conselheiros e montei um projeto forte para manter o futebol ativo no segundo semestre, algo que não ocorria desde 1993. Sempre foi um desejo do torcedor”, disse Tiago em entrevista ao Globo Esporte assim que assumiu o clube, em 2014.

– É muita emoção! Ser presidente de um clube do interior, na terceira divisão, e estar aqui ganhando esta competição, jogar a Copa do Brasil do ano que vem, receber uma premiação grande… O Santa Cruz é a minha vida. Abri mão de muita coisa na minha vida por esse clube. Eu amo esse clube – comemorou Rech, após a conquista da Copa FGF em dezembro de 2020.

CURIOSIDADDE: Natural de Curitiba, Cuca, hoje técnico do Atlético-MG, foi revelado pelo Galo em 1984. O ex-meia chegou ao interior do Rio Grande do Sul após passagem pela base do Pinheiros-PR.

William Campos, técnico do Santa Cruz – Foto: Vinicius Schubert/FC Santa Cruz

A equipe é comandada pelo jovem técnico William Campos, de 33 anos, filho do falecido Beto Campos, campeão gaúcho pelo Novo Hamburgo. Pouco conhecido no futebol nacional, o comandante, que levou o Galo ao título da Copinha 2020, tem como principal objetivo na temporada o acesso no Campeonato Gaúcho e avançar na Copa do Brasil.

Sem jogos oficiais desde dezembro do ano passado, o Santa Cruz disputou três amistosos preparatórios nas últimas semanas, no qual venceu um e perdeu dois. Jogando em São Leopoldo, perdeu para o Aimoré por 6 a 1. Já em casa, venceu o Esportivo (1 a 0) e foi derrotado para o São Luiz (2 a 1).

Com folha salarial em torno de R$ 150 mil, o time manteve a base vitoriosa de 2020. Das poucas contratações, chegaram o goleiro Luiz Carlos, 32 anos, pra substituir o titular Fabiano Heves, que se recupera de complicações da Covid-19; o atacante Giancarlo, que passou pelo JEC em 2007; e Chiquinho, 39 anos, ex-Caxias, Brasil de Pelotas e Inter de Santa Maria.

Entres os principais destaques da equipe, estão o experiente centroavante Nena, de 39 anos, artilheiro do time na Copa FGF com sete gols, o atacante Fogaça e o goleiro Fabiano Heves, que está no DM.

Provável Santa Cruz: Luiz Carlos, Maurício, Diego Rocha, Luís Henrique e Otávio; Thomáz, David, e Chiquinho (Pepeto); Laion, Nena e Fogaça.

Acanhado estádio dos Plátanos recebe o jogo desta quarta – Foto: Vinicius Schubert

Joinville e Santa Cruz se enfrentam a partir das 20h desta quarta-feira (17), no estádio dos Plátanos, que tem capacidade para 2.500 pessoas, mas não receberá público devido à pandemia de Covid-19.

Texto: Thiago Borges

SÉRIE D 2021

 

PRÓXIMO JOGO

2ªRodada
×

CLASSIFICAÇÃO - GRUPO A8

 
Deixe seu Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Mais em Copa do Brasil